GRParaná
MENU

ESTADUAL

04 de julho de 2020, 15:49

Depen do Paraná apresenta parcerias para ofertar trabalho a presos

O Depen fechou, somente nos seis primeiros meses deste ano, 147 novos convênios de trabalho

Foto: Diário dos Campos
 



As parcerias de trabalho entre o Departamento Penitenciário (Depen-PR) e empresas privadas foram apresentadas no III Seminário sobre Gestão, Fomento e Boas Práticas para a Oferta de Trabalho à Pessoa Presa, promovido pelo Departamento Penitenciário Nacional.

O Depen fechou, somente nos seis primeiros meses deste ano, 147 novos convênios de trabalho. Destes, 46 contratos já foram publicados e 101 estão em tramitação e análise de viabilidade, entre outras questões. O seminário nacional, realizado quinta-feira (2), reuniu mais de 300 participantes de Roraima, Amazonas, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Rio de Janeiro, além do Paraná, que foi representado pelo setor de Produção e Desenvolvimento (Seprod) do Depen.

Para o coordenador de Trabalho e Renda do Departamento Penitenciário Nacional, Antonio Henrique Santos Resende, o momento visa justamente a participação de todo o país, para a troca de informações. “Estamos aprendendo sempre. Aqui é uma troca de conhecimentos, como todos os outros canais que temos de comunicação. Eu já estive presente e vi o cuidado que o Paraná tem tido com as unidades prisionais e as oficinas de trabalho e o que posso dizer é que a qualidade de tudo é somente digna de elogios”, afirmou.

O chefe do Seprod do Depen do Paraná, Boanerges Silvestre Boeno Filho, explanou sobre as parcerias de trabalho e sobre o setor que gerencia e o papel na busca por novos convênios para utilização da mão de obra prisional.  “Sozinhos não se consegue tudo, por isso, nós estamos sempre em busca de parceiros, para fazer com que os presos saiam sempre melhores do que entraram, esse é o nosso objetivo”, disse ele.

Ele falou sobre a evolução nos últimos oitos anos. “No início, entramos em contato com mais de 20 empresas, mas, quando nos identificávamos como Depen elas acabavam perdendo o interesse. Vimos que precisávamos nos apresentar melhor e atrair o empresariado”, contou.

O administrador da Kadesh Calçados Profissionais, Luiz Carlos Leitão, falou sobre a experiência com o uso da mão de obra prisional. “As parcerias são válidas mesmo para empresas extremamente exigentes, como é o nosso caso”, destacou.

A empresa é parceira do Depen-PR há mais de 20 anos, emprega 245 presos, e está presente em unidades prisionais de Guarapuava e Ponta Grossa. “Eu só tenho recomendações, porque o empresário tem qualidade de acesso, informações de qualidade e recebe ainda o apoio necessário para entrar no sistema prisional e colocar o seu processo em funcionamento”, afirmou Leitão.

Outras parcerias

Na apresentação, Boanerges ainda destacou contratos de trabalho que estão em execução no estado. Uma delas é a parceria com as Centrais de Abastecimento do Paraná (Ceasa) de Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel e Foz do Iguaçu. “Somos o segundo estado com o maior número de presos com tornozeleira e fizemos este convênio para ajudá-los, porque era difícil conseguirem emprego com o equipamento”, explicou Boanerges.

Pela parceria, mais de 50 presos do regime semiaberto harmonizado foram contratados pela Ceasa para trabalhar na seleção e no empacotamento de alimentos. “Além do salário, ali eles recebem amparo e cesta de alimentos, que são entregues aos familiares. Inclusive, o primeiro destes presos a conseguir a liberdade, também conquistou uma vaga de trabalho em um box do local”, contou.

O chefe do Seprod ainda destacou o sucesso do projeto Mãos Amigas, que é uma parceria entre as secretarias da Segurança Pública e da Educação. “Iniciamos com apenas 32 presos na região de Curitiba e hoje atendemos oito das nove regionais do Departamento Penitenciário do Paraná”, afirmou.

O projeto trata da utilização de presos do sistema penitenciário para a execução de serviços de manutenção e conservação de unidades escolares, conferindo-lhes oportunidade de participação ativa junto à sociedade.


Com informações AEN


Deixe o seu comentário

Agenda de Eventos